Avaí 3 x 2 Santos

Data: 28/11/2010, domingo, 17h00
Competição: Campeonato Brasileiro
Local: Estádio da Ressacada, em Florianópolis, SC.
Público e renda: N/D
Árbitro: Sandro Meira Ricci (DF)
Auxiliares: Márcia Lopes Caetano (FIFA-RO) e Gilson Bento Coutinho (PR)
Cartões amarelos: Neymar, Keirrison, Adriano, Rodrigo Possebon, Durval, Alex Sandro, Danilo e Arouca (S); Emerson, Eltinho e Bruno Batista (A).
Gols: Keirrison (09-1), Neymar (32-1), Caio (39-1) e Caio (46-1); Caio (36-2).

AVAÍ
Renan, Patric, Emerson, Emerson Nunes, Eltinho; Bruno Batista, Rudnei, Caio (Dinelson); Robinho (Davi) e Vandinho (Daniel Tiago)
Técnico: Vagner Benazzi

SANTOS
Rafael, Pará (Zé Eduardo), Bruno Aguiar, Durval, Léo; Adriano (Danilo); Rodrigo Possebon (Alex Sandro), Arouca, Felipe Anderson; Neymar e Keirrison
Técnico: Marcelo Martelotte (interino)



Iluminado, Caio faz três gols contra o Santos e garante Avaí na primeira divisão

Após o Santos estar vencendo por 2 a 0, meia marcou três golaços e deu vitória ao time catarinense, agora sem risco de queda.

O meia atacante Caio foi a estrela do jogo entre Avaí e Santos neste domingo, na Ressacada, pela 37ª rodada do Campeonato Brasileiro. Após os santistas abrirem 2 a 0 no placar, os catarinenses viraram o jogo com três golaços de Caio. Com a vitória contra o Santos, e os tropeços de Vitória e Atlético-GO nesta rodada, o Avaí garantiu a permanência na Série A do Brasileiro.

A partida chamou a atenção pelos golaços e jogadas individuais. Além de Neymar, que estava inspirado, o meia Caio do Avaí marcou um dos gols mais bonitos da competição. Ele driblou quatro marcadores dentro da área para iniciar a reação dos catarinenses no primeiro tempo. Se não bastasse, o jogador ainda marcou mais dois gols chutando de fora da área.

Após perder para os catarinenses, o Santos enfrenta o Flamengo no próximo domingo, às 17h (de Brasília), na Vila Belmiro, pela última rodada do Campeonato Brasileiro. Já o Avaí jogará contra o Atlético-PR, na Arena da Baixada, em Curitiba.

O jogo

A partida começou bastante movimentada com Santos e Avaí jogando em velocidade e buscando o ataque. Apesar de a equipe catarinense tentar controlar o jogo no inicio, foi no Santos que abriu o marcador. Aos nove minutos, Neymar fez uma bela jogada individual, driblou o zagueiro na linha de fundo e cruzou rasteiro para Keirrison com a coxa abrir fazer 1 a 0.

O Avaí respondeu aos 14 minutos. Depois de uma tabela entre Robinho e Caio, o goleiro Rafael foi preciso na saída de bola. Um minuto depois, Caio desviou de cabeça um cruzamento de Eltinho, e a bola raspou a trave de Rafael. Precisando vencer para permanecer na primeira divisão, o Avaí buscava o gol de empate a todo o momento. Aos 28 minutos, Emerson tocou para Robinho dentro da área, o atacante chutou forte e viu Rafael fazer novamente uma excelente defesa.

Apesar da pressão do Avaí, o Santos marcou o segundo gol em jogada de contra-ataque. Aos 32 minutos, Neymar driblou o zagueiro, invadiu a área e chutou no canto esquerdo do goleiro para fazer 2 a 0. Um minuto depois, Arouca iniciou um contra-ataque ao driblar dois adversários, e tocou para Neymar, que avançou e tentou fazer um golaço de cobertura, mas o goleiro se recuperou e fez uma grande defesa.

No entanto, aos 39 minutos começou a reação do Avaí com um golaço. Caio driblou quatro marcadores dentro da área e chutou na saída de Rafael para diminuir o placar. No finalzinho da primeira etapa, aos 46 minutos, Caio arriscou um chute de fora da área e empatou o jogo.

Da mesma forma que o primeiro, o segundo tempo também começou movimentado. Caio driblou o zagueiro dentro da área, mas finalizou para cima do gol. O Santos respondeu em cobrança de escanteio. Neymar cobrou para Danilo, que sozinho cabeceou para fora.

O Avaí tentava no desespero buscar o gol de empate. O técnico Wagner Benazzi, inclusive, trocou a dupla de ataque, colocando Davi e Daniel Tiago nas vagas de Robinho e Vandinho, respectivamente. No entanto, a equipe catarinense chegava ao gol de Rafael, mas não conseguia acertar o gol. Desta forma, restava ao Avaí acreditar na tarde inspirada de Caio. E foi o que aconteceu, o meia acertou mais um belo chute de fora da área, fez um golaço, e garantiu os catarinenses na primeira divisão.