Santos 0 x 1 Grêmio

Data: 16/10/2011, domingo, 16h00.
Competição: Campeonato Brasileiro – 30ª rodada
Local: Estádio da Vila Belmiro, em Santos, SP.
Público: 3.477 torcedores
Renda: R$ 90.310,00
Árbitro: Emerson de Almeida Ferreira (MG)
Auxiliares: Janette Mara Arcanjo (Asp.Fifa-MG) e Antonio de Sousa Parreão (TO)
Cartões amarelos: Rafael, Edu Dracena (S) ; Fernando, André Lima (G).
Gol: Escudero (20-1).

SANTOS
Rafael; Danilo (Leandro Silva), Edu Dracena, Bruno Rodrigo e Durval; Henrique, Arouca e Ibson (Thiago Alves); Renteria (Breitner), Alan Kardec e Borges.
Técnico: Muricy Ramalho

GRÊMIO
Victor; Mário Fernandes, Rafael Marques, Gilberto Silva e Julio Cesar (Bruno Collaço); Fernando, Fábio Rochemback, Marquinhos (Adílson), Douglas e Escudero (Diego Clementino); André Lima.
Técnico: Celso Roth



Em “jogo do desapego”,Grêmio vence Santos na Vila Belmiro

Duas equipes não disputam título. Gaúchos fizeram 1 a 0 no primeiro tempo e seguraram placar

O jogo não valia quase nada. Com o Santos sem chance de vencer o título e o Grêmio longe da zona de classificação da Libertadores da América, os gaúchos conseguiram vencer na Vila Belmiro por 1 a 0, neste domingo.

A importância da partida para o campeonato foi proporcional ao ritmo do jogo. Com o campo da Vila Belmiro molhado e o Santos sem Neymar, a partida teve poucos lances de brilho.

O Grêmio conseguiu marcar logo aos 19 minutos do primeiro tempo após cobrança de pênalti. Depois, conseguiu segurar o placar até o final da partida contra um Santos que pouco buscou o empate.

Os paulistas voltam a jogar na quarta-feira contra o Botafogo também na Vila Belmiro. Já o Grêmio enfrenta o América-MG no próximo sábado em Minas Gerais.

O jogo

A combinação de campo molhado da Vila Belmiro com Grêmio e Santos fora da briga pelo o título resultou em um jogo morno entre os dois times. Foi assim, desde o início da partida.

O Grêmio, que ainda tenta chegar próximo da zona de classificação para a Libertadores da América, começou melhor. O time gaúcho conseguiu ter mais posse de bola, chegava na área do adversário e criava chances de gol.

Foi assim, aos 18 minutos de jogo, que o Grêmio abriu o placar. Após André Lima sofrer pênalti, Douglas cobrou. Rafael até defendeu, mas Escudero tocou para o gol.

Mesmo em desvantagem e jogando em casa, o Santos não conseguiu chegar ao gol gremista. Assim como no segundo tempo, o criou poucas oportunidades. A mais perigosa foi aos 11 minutos da segunda etapa. Após cruzamento pela direita, Victor sai mal do gol. A bola sobrou para Henrique na entrada da área, que chutou para fora.

Nos minutos restantes, o time de Muricy Ramalho nada criou e o Grêmio conseguiu confirmar a vitória fora de casa.