Santos 2 x 2 Flamengo

Data: 17/08/2008, domingo, 16h00.
Competição: Campeonato Brasileiro – 20ª rodada
Local: Estádio da Vila Belmiro, em Santos, SP.
Público: 15.359 pagantes
Renda: R$ 141.599,00
Árbitro: Heber Roberto Lopes (PR)
Auxiliares: José Carlos Dias Passos (PR) e Milton Otaviano dos Santos (RN)
Cartões amarelos: Obina e Marcelinho Paraíba (F); Michael e Domingos (S).
Cartão vermelho: Cristian (F).
Gols: Léo Moura (06-1) e Kléber Pereira (37-1); Kléber Pereira (06-2) e Léo Moura (32-2).

SANTOS
Douglas; Dionísio, Domingos, Fabiano Eller e Carleto; Brum, Wendel, Kleber e Michael (Wesley); Maikon (Lima) e Kléber Pereira.
Técnico: Márcio Fernandes

FLAMENGO
Bruno; Léo Moura, Fábio Luciano, Ronaldo Angelim e Eltinho (Luizinho); Jaílton, Ibson, Cristian e Toró (Maxi Biancucchi); Marcelinho Paraíba e Obina (Erick Flores).
Técnico: Caio Júnior



Kléber Pereira e Léo Moura desencantam, e Santos e Flamengo empatam

Os momentos irregulares de Santos e Flamengo no Brasileirão fizeram as equipes buscarem o gol incessantemente no duelo deste domingo na Vila. O placar final por 2 a 2 resumiu bem a necessidade dos três pontos e o equilíbrio do jogo ocorrido na Baixada, que teve como estrelas Leonardo Moura e Kleber Pereira, autores dos gols.

O placar igual não agradou a santistas e flamenguistas, que seguem distantes de suas metas. A equipe paulista segue ameaçada na zona de rebaixamento do Brasileiro e completa três partidas seguidas sem vencer em casa.

Já o Flamengo, que chegou a liderar o Nacional no primeiro turno durante dez rodadas, segue cada dia mais longe da ponta do torneio. Nos últimos nove jogos, a equipe da Gávea conseguiu apenas uma vitória.

O Santos começou atrás no placar diante do Flamengo, mas desta vez Kleber Pereira impediu um novo revés do clube na Vila.

Visivelmente pressionado pela ameaça de rebaixamento, o time paulista voltou a repetir erros típicos de um time afobado. Para complicar, a equipe da Vila perdeu um dos principais atletas do sistema ofensivo: Maikon Leite, que se lesionou após choque com o goleiro Bruno. Leite sofreu ruptura nos ligamentos do joelho direito.

Mais preparado, o Flamengo se aproveitou de uma falha defensiva santista para abrir o marcador. Leonardo Moura recebeu bola após desvio parcial do rival e finalizou com êxito.

A desvantagem no placar incomodou os santistas, que partiram para cima. A entrada de Lima na vaga de Maikon deu maior volume ofensivo. Numa tabela com Lima, Kleber Pereira igualou o placar, aos 27 min.

Desde que empatou a partida, o Santos passou a ter domínio do jogo, ameaçando Bruno seguidamente. A virada ocorreu aos 6 min, em linda jogada de Kléber Pereira, que alcançou seu 13º gol no Brasileiro.

A organização tática do Flamengo etapa não se repetiu nos 45 minutos finais. A equipe rubro-negra reduziu o poderio ofensivo, assistindo à evolução santista. A situação do Fla piorou depois que o meio-campista Cristian desferiu cotovelada em Michael, sendo punido com cartão vermelho.

Com um a menos, o Flamengo apostou em lances de bola parada. De pênalti, Moura empatou a partida.

Apoiado pela torcida alvinegra, o Santos se aventurou no ataque ciente da fragilidade defensiva do rival, que tinha apenas dez em campo, mas não conseguiu vencer. Foram duas bolas na trave.

O próximo jogo do Santos acontece na quinta-feira diante do lanterna Ipatinga, em Minas. O Flamengo recebe o Grêmio, no Maracanã.

Médico aponta lesão gravíssima no joelho de atacante Maikon Leite

O atacante Maikon Leite precisou ser retirado de campo ainda no primeiro tempo do duelo contra o Flamengo após se chocar com o goleiro Bruno.

O jogador do Santos saiu de campo chorando. Ele sofreu séria lesão no joelho, rompendo todos os ligamentos do joelho direito, o que o afasta do restante do returno do Brasileirão. A

De acordo com o médico do clube, Jorge Merouço, Maikon Leite necessita de cirurgia emergencial, correndo risco de ter sua carreira abreviada caso não seja feita uma cirurgia precisa. Raramente um atleta rompe todos os ligamentos do joelho.

Contratado junto ao Santo André, Maikon Leite surpreendeu a comissão técnica santista na reta final do 1º turno ao realizar brilhantes apresentações. Mesmo em alta na Vila Belmiro, Leite dizia que “nada fez no Santos”, já que o time continua na zona de rebaixamento do Brasileiro.

Substituto de Maikon Leite no empate diante do Flamengo, 2 a 2, na Vila Belmiro, Lima deverá se firmar no ataque santista para o restante do torneio. O empate neste domingo da Baixada agravou a situação do Santos no Nacional, que soma 18 pontos.

Torcedor agride Molina no camarote e gera confusão na Vila

Um torcedor invadiu o camarote da Vila Belmiro e deu um soco no peito do meia Maurício Molina, que assistia ao duelo entre Santos x Flamengo, causando enorme tumulto no estádio santista.

A Polícia Militar reteve o agressor, cujo nome não foi divulgado pelo clube. Apesar da agressão, Molina não irá prestar queixa.

Indignado com o ato do torcedor, o goleiro Fábio Costa, que também não atuou devido a uma lesão, interveio na tentativa de defender Molina. Houve tumulto, tão logo separado por pessoas próximas ao meia colombiano, que se recupera de lesão muscular.

O empate do Santos contra o Flamengo irritou os torcedores alvinegros. Como havia ocorrido na derrota santista frente ao Atlético-MG, novamente a torcida criticou duramente o presidente do clube, Marcelo Teixeira.

Desta vez não houve invasão de torcedores no camarote; Marcelo Teixeira respondeu os xingamentos com aplausos, ironizando os manifestantes.