Atlético Sorocaba 0 x 1 Santos

Data: 05/02/2005, sábado, 16h00.
Competição: Campeonato Paulista – Turno único – 5ª rodada
Local: Estádio Municipal Walter Ribeiro, em Sorocaba, SP.
Público: 12.1678 pagantes
Renda: R$ 184.340,00
Árbitro: Anselmo da Costa
Auxiliares: Everson Luis Soares e Aline Lambert
Cartões amarelos: Márcio Rocha e Paulão (AS); Ricardinho (S).
Cartões vermelhos: Robinho (S); Bill (AS).
Gol: Basílio (29-2).

ATLÉTICO SOROCABA
Wilson Júnior; Márcio Rocha (Bruno), Paulão, Zéilton e Bill; Niander, Willams, Esquerdinha (Dinei) e Adãozinho; Luciano Henrique e Fabiano (Araújo).
Técnico: Pintado

SANTOS
Mauro; Flávio, Domingos, Hallisson e Léo; Fabinho, Tcheco (Ricardo Bóvio), Ricardinho e Fábio Baiano (Basílio); Robinho e Deivid (Douglas).
Técnico: Oswaldo de Oliveira



Robinho é expulso, mas Santos vence e lidera

Com Robinho expulso no início do segundo tempo, o Santos contou com Léo e Basílio para vencer. Neste sábado à tarde, o time alvinegro bateu o Atlético Sorocaba por 1 a 0, no estádio Walter Ribeiro, em Sorocaba, pela quinta rodada do Campeonato Paulista.

Depois de ter dominado todo o primeiro tempo, inclusive acertando uma bola na trave adversária, o Santos sofreu por quase meia hora na etapa final, após a expulsão de Robinho. Porém, Léo, que voltou ao time após três jogos, fez ótima jogada para Basílio marcar.

A partida foi também a primeira do Santos após a saída do meia Elano para o futebol russo. Com isso, Tcheco começou como titular pela primeira vez. O meia teve atuação regular, prejudicado ainda pela falta de preparo físico e pelo péssimo estado do gramado em Sorocaba.

Fazendo sua parte, o Santos voltou à liderança do estadual. Com 13 pontos, a equipe da Vila Belmiro está empatada com o São Paulo, que empatou com a União Barbarense. No saldo de gols, porém, o Santos leva vantagem, oito a seis.

Pelo time do interior, o resultado, na estréia do técnico Pintado, foi horrível. O Atlético Sorocaba sofreu sua quarta derrota e soma apenas um ponto até aqui, permanecendo na zona de rebaixamento do Paulistão.

O jogo

Antes dos 10min, a zaga do Atlético Sorocaba mostrou que daria espaços ao ataque santista. Em dois lances, Deivid e Robinho avançaram livres, mas tiveram dificuldades no domínio da bola e acabaram desperdiçando as jogadas.

Com domínio do jogo, o Santos continuou chegando bem ao ataque, mas com dificuldade para finalizar. Aos 10min, Léo teve a oportunidade da entrada da área, mas mandou por cima do gol. Aos 11min, Zéilton cortou pouco antes de Robinho desviar para o gol.

O Atlético Sorocaba tentou equilibrar o jogo, mas foi o Santos quem voltou a chegar com perigo. Aos 20min, Deivid recebeu livre na área, dominou a bola, mas tocou em cima do goleiro Wilson Júnior, que saiu fechando bem o ângulo.

A primeira resposta de perigo da equipe da casa aconteceu aos 22min. Após cruzamento na área santista, Fabiano ganhou no alto de Flávio e desviou para o gol. Mauro conseguiu tocar na bola e desviar para escanteio, em ótima defesa.

Após cinco minutos sem nenhum lance de perigo, o Santos esteve muito perto de marcar aos 27min. Robinho rolou para Ricardinho bater da entrada da área. O goleiro Wilson Júnior desviou e a bola tocou na trave. No rebote, Fábio Baiano mandou por cima do gol.

O Atlético Sorocaba, jogando melhor do que nos primeiros 15 minutos, voltou a assustar aos 29min. Luciano Henrique puxou contra-ataque pela direita e cruzou na cabeça de Fabiano. O atacante, porém, mandou por cima do gol e perdeu ótima oportunidade.

Depois disso o jogo ficou ruim. Mesmo tendo mais posse de bola, o Santos também pouco ameaçou o gol adversário. Apenas aos 43min, num chute de Tcheco defendido por Wilson Júnior, o time visitante esteve próximo de marcar.

O Santos voltou para o segundo tempo com Basílio no lugar de Fábio Baiano. Mas antes que a equipe alvinegra mostrasse alguma coisa nova em campo, o Sorocaba quase marcou. Aos 40seg, Márcio Rocha chutou bem e Mauro fez boa defesa.

O goleiro santista voltou a trabalhar aos 4min. Willams cobrou falta com perigo e Mauro, com dificuldades, desviou para escanteio. O Santos complicou-se ainda mais aos 6min, quando Robinho foi expulso ao tentar dar um tapa em Adãozinho.

Com um a menos em campo, o Santos continuou pior em campo, sendo dominado pela equipe do Atlético Sorocaba. Em dois lances, antes dos 15min, o time do interior chegou com perigo e deu trabalho ao goleiro Mauro.

O sufoco para o time santista continuou, apesar dos muitos erros do Atlético no ataque. Mauro só precisou trabalhar novamente com perigo aos 26min. Luciano Henrique fez boa jogada e bateu rasteiro. O goleiro santista defendeu com segurança.

Com a saída de Robinho, o ataque santista acabou sumindo no jogo. Mas, quando apareceu, saiu o gol. Aos 29min, Léo fez ótima jogada e deixou Basílio livre na área. O atacante desviou de Wilson Júnior e marcou.

O Atlético ainda perdeu o lateral Bill, também expulso. Assim, só chegou aos 42min. Luciano Henrique bateu cruzado e Mauro defendeu. Dinei tentou no rebote, mas a zaga sansita tirou o perigo.