Santos 6 x 2 São Paulo

Data: 07/03/1963, quinta-feira.
Competição: Torneio Rio São Paulo / Torneio Roberto Gomes Pedrosa
Local: Estádio do Pacaembu, em São Paulo, SP.
Renda: Cr$ 10.664.450,00
Árbitro: Airton Viera de Moraes
Cartões vermelhos: Prado, De Sordi, Faustino e Dias (SP)
Gols: Dias (28-1, de pênalti), Pelé (30-1) e Prado (32-1); Pelé (11-2), Nenê (20-2), Pelé (39-2, de pênalti), Pepe (41-2) e Dorval (48-2).

SANTOS
Gilmar; João Carlos, Mauro e Dalmo; Zito e Calvet (Maneco, 18-2); Dorval, Mengálvio (Lima, 09-2), Toninho (Nenê, 00-2), Pelé e Pepe.
Técnico: Lula

SÃO PAULO
Glauco; Deleu, De Sordi e Riberto; Roberto Dias e Jurandir; Nondas (Fasutino, 24-2), Prado, Baiano, Leal e Canhoteiro (Sabino, 38-2).
Técnico: Osvaldo Brandão

Ocorrências: Ao ser marcado o penal que redundou no 4º gol santista, Prado reclamou do apitador e foi expulso. Após a cobrança da infração, De Sordi também protestou e foi igualmente expulso. Foram também alijados da pugna: Faustino, que aos 44-2, após o árbitro haver marcado com granbde atraso uma falta por ele sofrida, atirou a bola para longe e Dias, que aos 5 minutos da prorrogação, atingiu Maneco com um pontapé sem bola.



Oito gols e quatro expulsões na vitória do Santos (único líder)

Fonte: http://acervo.folha.com.br/fsp/1963/03/08/2//5390546