Botafogo-SP 0 x 1 Santos

Data: 16/08/2001, quinta-feira, 20h30.
Competição: Campeonato Brasileiro – 1ª fase – 5ª rodada
Local: Estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto, SP.
Público: 7.419 pagantes
Renda: R$ 61.744,00
Árbitro: Paulo César de Oliveira (SP).
Cartões amarelos: Leandro Biela, Augusto e Chicão (B); Vágner e Cléber (S).
Gol: Elano (20-2).

BOTAFOGO-SP
Maurício; Augusto, Bell e Fábio; Leandro Biela (Edvaldo), Chicão, Anderson, Alberto e Vítor (Nélio); Jajá e Marcus Denner (Paulinho).
Técnico: Ernesto Paulo

SANTOS
Fábio Costa; Preto, Galván e Cléber; Russo, Vágner (Marcelo Silva), Renato, Paulo Almeida e Canindé; Júlio César (Elano) e Weldon (André Dias).
Técnico: Geninho



Santos vence Botafogo em jogo violento e de baixo nível técnico

O Santos venceu o Botafogo por 1 a 0, ontem à noite, no estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto, numa partida que poderia ser comparada a um jogo de várzea.

A primeira etapa foi marcada pelo baixo nível técnico dos dois times, tanto que, ao ir para o intervalo, o Santos já havia errado 30 passes, enquanto o time de Ribeirão cometeu 26 erros, de acordo com o Datafolha.

Desfalcados, os dois times entraram em campo com três zagueiros, o que ajudou a deixar o jogo truncado. O Santos tocava melhor a bola, mas esbarrava na defesa botafoguense.

Na metade da primeira etapa, ambos os times passaram a abusar da violência. Nos primeiros 45 minutos, o árbitro Paulo César de Oliveira já havia anotado 22 infrações, 11 para cada time -no primeiro tempo haviam sido distribuídos quatro cartões amarelos.

O Botafogo voltou mais ofensivo para o segundo tempo. Logo aos 8min, Nélio fez um lançamento para Jajá, que chutou cruzado de dentro da grande área e acertou a trave direita de Fábio Costa.

O Santos, porém, abriu o placar. Aos 20min, após boa jogada de Canindé pela esquerda, Renatinho cruzou, e Elano, que tinha acabado de entrar, fez de cabeça.



Fonte: Jornal Folha de SP – http://acervo.folha.com.br/fsp/2001/08/17/20//29086