Comercial RP 1 x 1 Santos

Data: 12/11/1967
Competição: Campeonato Paulista – 21ª Rodada
Local: Estádio Dr. Francisco de Palma Travassos, em Ribeirão Preto, SP.
Público: 12.426
Renda: NCr$ 35.952,00
Árbitro: Anacleto Pietrobom, “Valussi”.
Cartões vermelhos: Rildo (S) e Marco Antonio (C).
Gols: Paulo Bim (33-1); Pelé (40-2).

COMERCIAL RP
Roni; Ferreira, Valdemar Carabina, Piter e Nonô; Vanderlei e Carlos Cesar; Marco Antonio, Paulo Bim, Bimbo e Noriva.
Técnico: José Agnelli.

SANTOS
Gilmar; Carlos Alberto, Ramos Delgado, Oberdan e Rildo; Clodoaldo e Lima; Toninho Guerreiro, Silva, Pelé e Edu.
Técnico: Antonio Fernandes, “Antoninho”.



Os jogadores do Santos Oberdã e Silva ficaram em campo contundidos “fazendo número” (pois não eram permitidas as substituições). O jogo foi suspenso aos 85 min, após o gol de Pelé, em susposto impedimento.

Houve grande confusão, com chuva de pedras e objetos atirados aos gramado. O bandeirinha foi agredido e o árbitro (Anacleto Pietrobon) fugiu para os vestiários. O Santos chegou a pleitear os pontos da partida, mas no final prevaleceu o empate.

Créditos:
Ficha técnica: Guilherme Nascimento e FPF.