Linense 0 x 3 Santos

Data: 17/01/2018, quarta-feira, 19h30.
Competição: Campeonato Paulista – 1ª fase – 1ª rodada
Local: Estádio Gilberto Siqueira Lopes, em Lins, SP.
Público: 5.866 pagantes
Renda: R$ 243.530,00
Árbitro: Luiz Flavio de Oliveira
Auxiliares: Tatiane Sacilotti dos Santos Camargo e Luiz Alberto Andrini Nogueira.
Cartões amarelos: Bileu (L); Renato, Romário e Alison (S).
Gols: Arthur Gomes (20-1), Rodrigão (47-1) e Arthur Gomes (10-2).

SANTOS
Vanderlei, Victor Ferraz, Lucas Veríssimo (Luiz Felipe), David Braz e Romário; Alison, Renato e Vecchio; Bruno Henrique (Arthur Gomes), Copete e Rodrigão (Yuri Alberto).
Técnico: Jair Ventura

LINENSE
Victor Golas, Reginaldo, Adalberto, Leandro Silva e Eduardo; Bileu, Marcão Silva, Danielzinho e Murilo (Thiago Humberto); Berguinho (Kauê) e Wilson (Kadu).
Técnico: Moacir Júnior



Com ataque afiado, Santos vence o Linense por 3 a 0 na estreia

O Santos estreou com pé direito no Campeonato Paulista. Na estreia do técnico Jair Ventura, o Peixe venceu o Linense, em Lins, por 3 a 0 na noite desta quarta-feira. Os gols foram marcados por Arthur Gomes (2) e Rodrigão.

Mesmo sem a condição física ideal no começo da temporada, o alvinegro controlou o jogo desde os primeiros minutos. A qualidade técnica da equipe fez a diferença no Estádio Gilbertão.

Arthur, artilheiro do jogo, substituiu Bruno Henrique aos sete minutos de jogo e correspondeu à altura. O camisa 11 deixou o campo chorando, após receber uma bolada no olho e ficar sem enxergar por alguns minutos. Ele passará por exames.

Vecchio e Rodrigão, dupla contestada no Santos, também se destacou. O meia participou dos três gols dos visitantes. E o centroavante fez um golaço de fora da área. Copete também foi bem.

O jogo

O começo de jogo foi monótono. O primeiro lance importante ocorreu aos sete minutos, quando Bruno Henrique levou uma bolada no rosto. E o que parecia algo simples virou preocupação para o departamento médico. O atacante do Santos teve de ser substituído por Arthur Gomes. Chorando, ele deixou o campo dizendo que não estava enxergando. A visão continuou embaçada por vários minutos.

Apenas aos 20 minutos, veio o primeiro lance de perigo. Vecchio lançou Arthur Gomes. Iluminado, o atacante bateu de primeira, com a perna esquerda, para abrir o placar. O passe do argentino foi bonito, mas ele pareceu tentar encontrar Rodrigão, e não Arthur, na área.

Depois de abrir o placar, o Peixe se postou na defesa e passou a procurar o contra-ataque. Com limitações técnicas, o Linense não conseguiu criar oportunidades de gol.

O único perigo dos donos da casa vinha do lado direito de ataque. Romário, com pouca ajuda de Renato e Arthur Gomes, parecia sobrecarregado, e levou cartão amarelo.

Nos minutos finais, o alvinegro voltou a atacar e aumentou a vantagem. O segundo gol esquentou com cabeceio de Rodrigão por cima do gol, aos 42 minutos. E nos acréscimos, o centroavante brilhou.

Após roubada de bola de Vecchio, Rodrigão recebeu na intermediária ofensiva e encheu o pé. Um golaço para o camisa 13, de volta ao Santos após empréstimo ao Bahia no Campeonato Brasileiro em 2017.

Aos sete minutos de segundo tempo, o Linense quase diminuiu. Kauê recebeu lançamento longo nas costas de Romário, driblou David Braz, ajeitou e chutou nos pés de Lucas Veríssimo, que salvou o Santos em um carrinho. O goleiro já estava batido no lance.

Três minutos depois, veio o castigo. Copete recebeu de Vecchio, disparou pelo lado esquerdo e cruzou com perfeição, na cabeça de Arthur Gomes, que empurrou para o fundo das redes de carrinho. 3 a 0 para o Santos.

Com a vitória encaminhada, o Peixe passou a ter ainda mais espaço para atacar. O Linense, desesperado, seguiu apostando no lado direito do ataque, principalmente com Reginaldo. Aos 18 minutos, o atacante aproveitou mais um vacilo de Romário e cruzou para a pequena área. Luiz Felipe salvou o alvinegro.

Aos 24 minutos, o Santos voltou a assustar. Vecchio, inspirado, bateu escanteio na cabeça de Rodrigão, que cabeceou no travessão. Segundos depois, Rodrigão cruzou na pequena área, Copete dividiu com a defesa e Victor Golas fez grande defesa.

Com as substituições de Moacir Júnior, o Linense melhorou nos minutos finais do jogo. A equipe deixou a organização de lado para abafar o Santos. Sobrou transpiração, mas faltou qualidade. Os chutes não passaram perto e o goleiro Vanderlei deixou o campo sem ser exigido. O único susto veio em chute fraco, mas na pequena área, de Leandro Silva, aos 41 minutos.

Bastidores – Santos TV:

Jair valoriza elenco do Santos após vitória na estreia: “Força dos meninos”

Estreante, Jair Ventura valorizou o elenco do Santos após a vitória por 3 a 0 sobre o Linense na noite desta quarta-feira, em Lins. O técnico comandou o Peixe pela primeira vez no Estádio Gilbertão.

Além de Lucas Lima e Ricardo Oliveira, negociados com Palmeiras e Atlético-MG, respectivamente, o alvinegro perdeu Bruno Henrique aos 10 minutos de jogo. O atacante recebeu uma bolada no olho, perdeu a visão por alguns minutos e deixou o campo chorando.

“Foi pouco tempo de trabalho, então é mérito total dos jogadores. Encontrei um grupo que me abraçou, que me aceitou no primeiro momento. Muito se falava nas perdas do Lucas Lima e do Ricardo Oliveira, e ainda perdemos o Bruno Henrique, uma referência técnica, mas mostramos a força dos meninos. Arthur Gomes entrou muito bem e ajudou a equipe. Mesmo com o peso da pré-temporada, e sete horas de viagem, fizemos um jogo muito competitivo”, disse Jair Ventura.

Arthur Gomes fez dois gols na vitória do Santos. Rodrigão completou o placar. E o treinador se referiu à viagem de ônibus para Lins. O Peixe optou por não pegar avião para a cidade no interior de São Paulo.

Arthur lamenta problema de Bruno Henrique, mas vibra por gols marcados

Arthur Gomes mostrou que tem estrela na noite desta quarta-feira. O atacante substituiu Bruno Henrique, aos 10 minutos, e fez dois gols na vitória do Santos por 3 a 0 sobre o Linense, no Estádio Gilbertão.

O jovem de 19 anos lamentou o problema do companheiro, que recebeu uma bolada no olho direito, ficou alguns minutos sem enxergar e deixou o campo chorando, mas não deixou de comemorar a boa atuação.

“Pude estrear bem no Paulista, uma pena que seja no lugar do Bruno Henrique, mas fiquei muito feliz pela nossa partida e pela minha também. Fico feliz pelos gols, mas principalmente pela boa vitória na estreia”, disse Arthur Gomes, ao SporTV.

Bruno Henrique passará por exame na noite desta quarta-feira para o departamento médico do Santos analisar a gravidade do ocorrido.

Bruno Henrique sofre bolada no olho e preocupa DM do Santos

Bruno Henrique foi substituído aos 10 minutos na vitória do Santos por 3 a 0 sobre o Linense na noite desta quarta-feira, em Lins. O atacante recebeu uma bolada no olho, perdeu a visão por alguns minutos e deixou o campo chorando.

Com o passar do tempo, Bruno recuperou a visão, que seguiu embaçada. Ele passou o primeiro tempo no banco de reservas, com gelo no olho direito. Depois do intervalo, ele ficou no vestiário.

O departamento médico do Peixe vai examinar o jogador na noite desta quarta-feira para saber a gravidade do ocorrido. Ele permaneceu no estádio e não foi para o hospital.

Substituto de Bruno Henrique, Arthur Gomes se destacou pelo alvinegro. Ele fez dois gols. Rodrigão também marcou.

O Santos inscreveu 21 jogadores profissionais no Campeonato Paulista, além de oito jogadores das categorias de base. O limite é de 26 atletas com mais de 20 anos de idade. Não há restrição para atletas nascidos até 1997.

Três das cinco vagas restantes já estão “reservadas” para o zagueiro Gustavo Henrique, o volante Yuri e o atacante Vitor Bueno. As demais lacunas serão preenchidas com reforços – há negociações em andamento pelo meia Lucas Zelarayán, do Tigres-MEX, Gabigol, do Benfica-POR, e Santiago Tréllez, do Vitória.

Gustavo Henrique e Vitor Bueno estão em fase final de recuperação após cirurgias no joelho. Yuri só não foi inscrito para a primeira rodada do Paulistão, contra o Linense, porque não havia assinado a renovação de contrato – ele estará regularizado na Federação Paulista de Futebol nos próximos dias.

O lateral-esquerdo Romário e o atacante Eduardo Sasha, contratados neste ano, estão à disposição do técnico Jair Ventura.

Fabián Noguera, Orinho, Serginho e Vladimir Hernández negociam com Estudiantes-ARG, Ponte Preta, América-MG e Atlético Nacional-COL, respectivamente. Leandro Donizete e Rafael Longuine também estão fora dos planos, mas ainda não receberam ofertas.

Reveja abaixo os inscritos do Santos no Campeonato Paulista:

Goleiros: Vanderlei, Vladimir e João Paulo;
Laterais: Victor Ferraz, Daniel Guedes, Romário e Caju;
Zagueiros: David Braz, Lucas Veríssimo, Luiz Felipe e Cleber Reis;
Meio-campistas: Alison, Vecchio, Jean Mota, Léo Cittadini, Matheus Jesus e Renato;
Atacantes: Rodrigão, Bruno Henrique, Copete e Eduardo Sasha.

A lista de jogadores da base:

Lateral: Emerson
Zagueiros: Robson Bambu e Matheus Guedes
Meio-campistas: Lucas Lourenço e Victor Yan
Atacantes: Arthur Gomes, Yuri Alberto e Rodrygo