O técnico Geninho, que está no Paraná, vai comandar o Santos na temporada 2001. A revelação foi feita nesta sexta-feira pelo ex-jogador e novo integrante da comissão tecnica santista Serginho Chulapa.

A revelação aconteceu logo depois de o presidente do Santos, Marcelo Teixeira, ter anunciado os novos dirigentes de futebol no Santos. O gerente executivo Dagoberto Fernando dos Santos, o gerente financeiro Rubens Jesus Rodriguese além de Luís Henrique Menezes como gerente de futebol e Serginho Chulapa como assistente técnico.

Logo depois que Teixeira havia dito que, por motivos éticos, iria anunciar o novo técnico apenas na segunda-feira e negado a contratação de Geninho, Serginho Chulapa declarou: “ É um prazer estar voltando ao Santos, pois me sinto muito mais profissional agora. Mas não se esqueçam que eu sou o auxiliar, o técnico será o Geninho.”.

A contratação de Geninho pelo Peixe vinha sendo mantida em segredo por Marcelo Teixeira por que o técnico ainda está treinando o Paraná Clube, que disputa, nesse final de semana, diante do Vasco, um vaga nas semifinais da Copa João Havelange.

Geninho foi a opção que restou ao Santos. O time terminou o Brasileiro sob comando de Carlos Alberto Parreira, que descartou continuar na equipe. Depois, tentou Nelsinho Batista e Cabralzinho, mas as negociações foram frustradas.