Santos 3 x 2 Bahia

Data: 01/10/1995, domingo, 16h00.
Competição: Campeonato Brasileiro – 1º turno – 10ª rodada
Local: Estádio da Vila Belmiro, em Santos, SP.
Público: 4.237 pagantes
Renda: R$ 27.550,00
Árbitro: Fabiano Gonçalves (RS)
Cartões amarelos: Narciso, Marcos Adriano, Giovanni, Robert, Jamelli e Whelliton (S). Bonamigo, Raudnei e Angelo (B).
Cartão vermelho: Edinho (S).
Gols: Raudinei (12-1), Camanducaia (22-1), Cilinho (34-1), Jean (11-2) e Jamelli (22-2).

SANTOS
Edinho, Marquinhos Capixaba, Jean, Narciso e Marcos Adriano; Carlinhos, Giovanni, Jamelli e Robert; Camanducaia (Gilberto) e Whelliton (Batista).
Técnico: Cabralzinho.

BAHIA
Jean; Odemilson, Ronald, Parreira e Esquerdinha; Lima, Bonamigo (Eduardo), Celso (Juarez) e Naldinho (Angelo); Raudnei e Cilinho.
Técnico: Otacílio Gonçalves



Santos derrota Bahia de virada, no 2º tempo

O Santos venceu de virada o Bahia, por 3 a 2, na Vila Belmiro, em Santos (SP). O goleiro Edinho foi expulso aos 35min do primeiro tempo.

O primeiro gol do Bahia saiu aos 12min. Marcos Adriano perdeu a bola para Cilinho, que cruzou para Raudnei marcar.

Aos 22min, o Santos empatou, com Camanducaia, de cabeça.

O Santos teve um gol de Giovanni anulado aos 24min. Aos 28min, os jogadores do Bahia pediram um pênalti sobre Naldinho.

Cilinho, cobrando escanteio pela direita, marcou um gol olímpico aos 34min. No lance, Edinho foi expulso por reclamação.

Mesmo com dez jogadores em campo (Camanducaia saiu para a entrada do goleiro reserva Gilberto), o Santos partiu para o ataque no início do segundo tempo.

O gol de empate saiu aos 11min, anotado pelo zagueiro Jean, que aproveitou falha do goleiro do Bahia. A virada veio seis minutos depois, com gol de Jamelli.