Goiás 0 x 3 Santos

Data: 09/11/2019, sábado, 17h00.
Competição: Campeonato Brasileiro – 32ª rodada
Local: Estádio Serra Dourada, em Goiânia, GO.
Público: 12.453 pagantes (13.226 presentes)
Renda: R$ 265.830,00
Árbitro: Bruno Arleu de Araujo (RJ)
Auxiliares: Michael Correia e Silbert Faria Sisquim (ambos do RJ).
VAR: Pathrice Wallace Corrêa Maia (RJ)
Cartões amarelos: Rafael Vaz, Michael, Alan Ruschel e Gilberto (G); Alison e Jorge (S).
Gols: Soteldo (26-1); Marinho (14-2) e Soteldo (27-2).

GOIÁS
Tadeu; Breno, Fábio Sanches, Rafael Vaz e Jefferson (Alan Ruschel); Gilberto, Léo Sena (Papagaio) e Yago Felipe (Kaio); Michael, Leandro Barcia e Thalles.
Técnico: Ney Franco

SANTOS
Everson; Victor Ferraz, Lucas Veríssimo, Luan Peres e Jorge; Alison (Felipe Jonatan), Carlos Sánchez e Jean Mota (Pituca); Marinho (Tailson), Soteldo e Eduardo Sasha.
Técnico: Jorge Sampaoli



Com show de Soteldo, Santos vence Goiás no Serra Dourada

Neste sábado, com uma bela atuação coletiva, o Santos derrotou o Goiás por 3 a 0, no Serra Dourada, em partida válida pela 32ª rodada do Campeonato Brasileiro. O grande nome do Peixe foi Soteldo, que marcou dois gols, sendo um deles um golaço, e ainda deu uma assistência para Marinho fazer o outro.

Com o resultado, o Santos foi a 64 pontos, mantendo-se na terceira colocação do Brasileirão. Na próxima rodada, a equipe terá pela frente o São Paulo, na Vila Belmiro, no sábado, às 17h. Enquanto isso, o Goiás estacionou nos 42 pontos, na décima posição.

O jogo

Com a posse de bola no campo de ataque, o Santos teve bom início no Serra Dourada. A primeira chance dos visitantes veio com Sánchez, que arriscou chute da entrada da área e exigiu boa defesa de Tadeu. Logo em seguida, o uruguaio foi à linha de fundo pela direita e cruzou à meia altura para Soteldo, que bateu de primeira e viu Fábio Sanches tirar em cima da linha.

Na sequência, Soteldo balançou pela esquerda e levantou na medida para Sasha, que testou de longe e Tadeu foi buscar a bola no ângulo esquerdo. Aos 24 minutos, após Yago Felipe afastar cruzamento, Soteldo pegou de primeira com a perna direita e acertou chute de rara felicidade no ângulo esquerdo. Golaço do venezuelano.

O Santos teve grande chance de ampliar no início do segundo tempo, porém desperdiçou. Soteldo fez ótima jogada pela esquerda e rolou para trás, encontrando Sánchez, que de frente para a meta finalizou para fora. Na sequência, o Goiás levou perigo em falta frontal batida por Rafael Vaz. O zagueiro pegou forte na bola, Everson fez a defesa e, na sobra, Soteldo afastou cruzamento perigoso.

Aos 14 minutos, Jorge recuperou a bola na intermediária, soltou para Jean Mota, que lançou Soteldo. O venezuelano rolou com precisão para Marinho, que invadiu a área e bateu no canto esquerdo da meta defendida por Tadeu. No lance seguinte, Sasha perdeu grande chance de fazer o terceiro. O atacante recebeu passe de profundidade e chutou em cima do goleiro do Goiás.

Sem tirar o pé do acelerador, o Peixe marcou seu terceiro gol aos 27 minutos. Marinho fez grande jogada pela direita, cortou para dentro e cruzou para Soteldo na segunda trave. O camisa 10 pegou de primeira, com o pé esquerdo, mandando para as redes.

Bastidores – Santos TV:

Sampaoli elogia a fome pela vitória do Santos e vê Soteldo evoluindo no clube

Neste sábado, o Santos foi avassalador do início ao fim da partida e derrotou o Goiás por 3 a 0, no Serra Dourada. Após o jogo, Jorge Sampaoli elogiou a postura do Peixe em campo, que buscou sair com a vitória desde o primeiro minuto do confronto.

O técnico não concedeu entrevista coletiva, já que o Santos afirmou que o “não havia lugar adequado para os profissionais de imprensa e para o treinador”. Dessa forma, o clube divulgou um vídeo no qual Sampaoli analisa a partida.

“Grande partida do nosso time. Do começo ao fim buscamos os três pontos, ganhamos num estádio onde é muito complicado e contra uma equipe que se fez muito forte, sobretudo no segundo turno [do Brasileirão]. Estou contente com o rendimento dos jogadores. Desde o começo do torneio até agora nunca afrouxaram na busca por ganhar cada partida”, afirmou o treinador.

Sampaoli também não poupou elogios a Soteldo, grande destaque individual do Peixe no jogo deste sábado. O atacante marcou dois gols, sendo um deles um golaço, e ainda deu a assistência para Marinho marcar o outro.

“Partida incrível do Soteldo. Além de ter feito o primeiro gol, gerou as jogadas do segundo e do terceiro. Foi uma tarde incrível de um jogador que está crescendo muito no Santos” completou.

Com o resultado, o Santos foi a 64 pontos, mantendo-se na terceira colocação do Brasileirão.

Soteldo divide mérito da vitória com os companheiros e foca em clássico

Neste sábado, o Santos teve uma das melhores atuações da equipe no segundo semestre e venceu o Goiás por 3 a 0, no Serra Dourada. O principal destaque individual da partida foi Soteldo, que marcou dois gols e ainda deu uma assistência marcar outro.

Após o apito final, o camisa 10 destacou a consistência do trabalho realizado pela equipe comandada por Jorge Sampaoli, exaltando a atuação coletiva do Peixe.

“Muito feliz pelas vitórias consecutivas, é resultado do trabalho que a equipe vem realizando, tem que continuar assim. Agora vamos começar a pensar no clássico, vamos descansar, será uma semana longa. Foi uma partida muito boa coletivamente e individualmente”, afirmou Soteldo ao Premiere.

Com os dois tentos marcados contra o Esmeraldino, Soteldo chegou ao seu 11º gol na temporada. Na penúltima rodada, contra o Botafogo, o venezuelano já havia balançado as redes duas vezes.

Santos passa ileso contra o Goiás e não terá suspensos contra o São Paulo

Além do ótimo desempenho e da vitória por 3 a 0 sobre o Goiás neste sábado, o Santos tem uma ótima notícia para a próxima rodada do Campeonato Brasileiro: a equipe não terá desfalques por suspensão no clássico contra o São Paulo.

O Peixe foi para a partida deste sábado com quatro jogadores pendurados. Luan Peres, Jean Mota, Marinho e Jobson corriam o risco de tomarem cartão amarelo e perderem o clássico contra o Tricolor. Apenas os três primeiros atuaram no Serra Dourada e nenhum deles foi advertido pelo árbitro.

A principal dúvida na escalação do Santos para este sábado girava em torno de Marinho, já que o atacante tem sido importante para o Peixe e seria uma perda importante para Sampaoli. No entanto, o jogador não tomou cartão amarelo e ainda marcou um gol e deu uma assistência na partida.

Sampaoli também corria o risco de perder o clássico, já que também estava pendurado. O treinador argentino já cumpriu duas suspensões neste Campeonato Brasileiro por conta de três cartões amarelos: contra o Goiás, no primeiro turno, e contra o Fluminense, na segunda metade da competição.

Santos volta a marcar três gols fora de casa depois de nove meses

O Santos chegou à quarta vitória consecutiva no Campeonato Brasileiro ao derrotar o Goiás por 3 a 0, neste sábado, no Serra Dourada. Com um grande desempenho em campo, o Peixe voltou a marcar três gols em uma mesma partida fora de casa depois de mais de nove meses.

A última vez que o time comandado por Jorge Sampaoli havia balançado as redes três vezes como visitante foi no dia 6 de fevereiro, quando o Santos goleou o Altos-PI pelo placar de 7 a 1, na partida válida pela primeira rodada da Copa do Brasil.

Com o triunfo sobre o Goiás neste sábado, o Santos chegou à segunda vitória consecutiva como visitante no Brasileirão, já que na última rodada a equipe derrotou o Avaí, em Santa Catarina. Antes desses dois confrontos, o Peixe havia vencido apenas um dos últimos seis jogos fora de seus domínios.

O Santos tem a terceira melhor campanha como visitante no Campeonato Brasileiro, atrás apenas de Flamengo e Palmeiras. Até o momento, o Alvinegro Praiano realizou 17 jogos fora de casa, tendo vencido oito partidas, empatado seis jogos e perdido cinco vezes, um aproveitamento equivalente a 54,9% dos pontos disputados.