Elenco Brasileirão 1989 - Santos FC

Em Pé: Juary, Ferreira, Heraldo, Éder José, Edílson, Luisinho, Wladimir, Davi, Sócrates, Sérgio, César Ferreira, Tuíco, Nilton Pellegrine, Buorgemino (Fisioterapeuta), Nicanor de Carvalho (Técnico) e Flávio Buorgemino (Prep. Físico). Agachados: Cleber (Aux. Prep. Física), Cesar Pereyra, Essinho, Marco Antonio Cipó, Axel, Leonardo Manzi, César Sampaio, Totonho, Luiz Carlos, Biro-Biro, Junior, Francis (Massagista), Wilson Quiqueto (Prep. de Goleiros).

Goleiros:
Sergio
Nilton
Ferreira
Nilton Pellegrine


Laterais:
Ditinho
Wladimir


Zagueiros:
Davi
Luiz Carlos
Luisinho
Cássio
Pedro Paulo
Camilo


Meio campistas:
César Sampaio
César Ferreira
Axel
Heriberto
Ernâni
Jorginho Putinatti
Sérgio Manoel
Cipó


Atacantes:
Juary
Tuíco
Totonho
Carlinhos
Roberto Cearense
Essinho
Serginho Chulapa
Paulinho McLaren


Técnicos:
Nicanor de Carvalho
Pepe



Santos Futebol Clube

Presidente: Miguel Assad Macool Filho (1988-1989)
Patrocínio: Coca-cola
Fornecedor: Penalty

Elenco:

G – Ivanílton Sérgio Guedes
G – Nílton Orlando da Costa
G – Nílton José Pellegrine
G – João Ferreira Couto

LD – Antônio Oliveira Santos Silva (Ditinho)
LE – Wladimir Rodrigues dos Santos
LE – Gilberto Ribeiro de Carvalho (Biro-Biro)
LE – Éder José

Z – Davi Cortes da Silva
Z – Luiz Carlos Canhizares
Z – José Luis de Carvalho (Luisinho)
Z – Cássio Adriano Vilaça
Z – Pedro Paulo Veríssimo
Z – Luís Fernando Camilo

MV – Carlos César Sampaio Campos
MV – Carlos César Ferreira
MV – Axel Rodrigues de Arruda
M – Heriberto Longuinho da Cunha
M – Almir Ernâni de Souza
M – Jorge Antônio Putinatti (Jorginho Putinatti)
M – Sérgio Manoel Júnior
MD – Marco Antônio da Conceição (Cipó)

CA – Juary Jorge dos Santos Filho
PE – Antônio Carlos Azevedo Martins (Tuíco)
CA – Antônio Carlos S. Pinto (Totonho)
PD – Carlos Alberto Isidoro (Carlinhos)
A – José Roberto A. Alves (Roberto Cearense)
A – Edson Luiz Valente Correa (Essinho)
CA – Sérgio Bernardino (Serginho Chulapa)
CA – Paulo César Vieira Rosa (Paulinho McLaren)

T – Nicanor de Carvalho Júnior / T – José Marcia (Pepe)

Comissão Técnica: Flávio Buorgemino e Cléber Augusto (Preparadores Físicos), Wilson Quiqueto (Preparador de Goleiros), Buorgemino (Fisioterapeuta), Francis (Massagista) e Antônio Carlos Taira (Médico).



Quem chegou: Roberto Cearense (CA, Catanduvense), Ditinho (LD, Guarani), Ernâni (M, Vasco), Heriberto (M, Cruzeiro) e Carlinhos (PD, XV de Piracicaba), Jorginho Putinatti (M, Grêmio), Paulinho McLaren (CA, Figueirense) e Serginho Chulapa (sem clube).

Quem saiu: Leonardo Manzi (CA), César Pereyra (V), Miraglia (PD), Sócrates (MD, Botafogo-SP), Junior (M, Necaxa-MEX), Ernâni (M, Ponte Preta)

Time-base: Sérgio; Ditinho, Davi, Luiz Carlos e Wladimir; César Sampaio, César Ferreira, Êrnani (Jorginho Putinatti) e Heriberto; Carlinhos e Paulinho McLaren (Serginho Chulapa).



Histórico



O Santos inicia o Campeonato Brasileiro 1989 com cinco reforços e um time formado por jogadores com média de idade de 28 anos. Os craques da equipe são o goleiro Sérgio e o volante César Sampaio, os únicos considerados inegociáveis no mercado nacional segundo o presidente Assad.

Apenas o centroavante Roberto Cearense, destaque do Catanduvense no Paulista, não foi aprovado pelo técnico Nicanor de Carvalho durante a excursão para China e EUA.

O lateral Ditinho, o meia Heriberto (que substituirá Juninho, vendido ao Necaxa, do México), o meia Ernâni (ex-Vasco e substituto de Sócrates) e o ponta direita Carlinhos ganharam a condição de titulares.

O contrato de Sócrates vencia no final de setembro e a diretoria não demonstrou interesse em renová-lo. Pesava contra o jogador o fato de ter desagradado a todos ao abandonar a delegação em meio a excursão aos EUA, por estar insatisfeito com atrasos em pagamentos. Ao abandonar a delegação, Sócrates prejudicou financeiramente o alvinegro, já que sua presença nas partidas era uma exigência contratual. A justificativa de Sócrates, que alegou ter retornado ao Brasil devido a uma forte contusão no tornozelo, não convenceu o Presidente Miguel Assad. Após este episódio o jogador foi para o Botafogo-SP, clube em que iniciou sua carreira.