Navegando Posts marcados como 1962

Santos 2 x 1 URSS

Data: 10/12/1962, segunda-feira.
Competição: Amistoso
Local: Estádio do Pacaembu, em São Paulo, SP.
Renda: Cr$ 9.469.500,00
Árbitro: João Etzel Filho
Gols: Valery (12-1) e Coutinho (31-1); Pelé (33-2).

SANTOS
Laércio; Dalmo, Mauro e Zé Carlos; Calvet e Zito ; Dorval, Lima, Coutinho, Pelé e Pepe (Tite, 30-2).
Tecnico: Lula

URSS
Kotrikadze; Gnodi, Mexey e Danilov; Stanislaw e Vassily; Oleg, Victor, Yuri (Kanievsky, 0-2), Anatole (Sabo, 34-2) e Valery.
Técnico: Solovjev



Sem goleada a vitória do Santos sobre o selecionado soviético: 2 a 1

Fonte: http://acervo.folha.com.br/fsp/1962/12/11/2//4502740

Hamburger SV 3 x 3 Santos

Data: 20/10/1962
Competição: Amistoso
Local: Volksparkstadion, em Hamburgo, Alemanha Ocidental.
Gols: Reuter (06-1), Pelé (10-1), Reuter (22-1); Pelé (03-2), Seller (33-2) e Coutinho (38-2).

HAMBURGER SV
Schnoor; Krug, Kurbjuhn, Werner, Meinke, D.Seeler, Fritzsche, Kreuz, Uwe Seeler, Bahre (Wulf) e Reuter.
Técnico: Martin Wilke

SANTOS
Laércio; Zé Carlos, Dalmo, Lima, Mauro, Calvet (Formiga), Bé (Pagão), Mengálvio, Dorval, Coutinho e Pelé.
Técnico: Lula



Obs: Esta é uma valiosa contribuição do colega John 88 do site rutracker. Uma oportunidade rara de ver em ação o grande Santos com Pelé, Coutinho e até Pagão, entrando no segundo tempo.

Créditos:

Vídeo:
Jogo na íntegra, duração de 1h23. Narração em alemão.
– Baixado do Blog O Campo dos Sonhos
– Disponibilizado no Youtube por Wesley Miranda.

Santos 3 x 0 Peñarol

Data: 30/08/1962
Competição: Copa Libertadores – Final – Jogo extra
Local: Estádio Monumental de Núñez, em Buenos Aires, Argentina.
Público: 45.980
Renda: 5.365.400,00 pesos (Cr$ 26.827.000,00 aproximadamente)
Árbitro: Leopold Horn (HOL)
Gols: Caetano (11-1, contra); Pelé (03-2) e Pelé (44-2).

SANTOS
Gilmar; Lima, Mauro e Dalmo; Zito e Calvet; Dorval, Mengálvio, Coutinho, Pelé e Pepe.
Técnico: Lula.

PEÑAROL
Maidana; González, Lezcano e Cano; Caetano e Gonçalvez; Pedro Rocha, Sasía, Matosas, Spencer e Joya.
Técnico: Bella Guttman



Créditos:
Vídeo: Almir Espindola

Santos 2 x 3 Peñarol

Data: 02/08/1962
Competição: Copa Libertadores – Final – Jogo de volta
Local: Estádio da Vila Belmiro, em Santos, SP.
Público: 10.000 pagantes
Renda: Cr$ 5.418.000,00
Árbitro: Carlos Robles (CHI)
Gols: Spencer (14-1), Dorval (18-1), Mengálvio (35-1); Spencer (04-2) e Sasia (05-2). Obs.: Pagão (20-2) fez 3 a 3, resultado que daria o título ao Santos.

SANTOS
Gilmar; Lima, Mauro, Calvet e Dalmo; Zito e Mengálvio; Dorval, Pagão, Coutinho e Pepe.
Técnico: Lula

PEÑAROL
Maidana; González, Lezcano, Cano e Caetano; Carranza (Gonçalves) e Matosas; Rocha, Sasia, Spencer e Joya.
Técnico: Bela Guttman


Peñarol 1 x 2 Santos

Data: 28/07/1962
Competição: Taça Libertadores – Final – Jogo de ida
Local: Estádio Centenário, em Montevidéu, Uruguai.
Público: 50.085 pessoas
Renda: Cr$ 29.500.015,00
Árbitro: Carlos Robles (CHI)
Gols: Coutinho (05-1) e Coutinho (43-1); Spencer (30-2).

PEÑAROL
Maidana; Lezcano, Cano e González; Caetano e Cabrera (Moacir); Matosas, Pedro Rocha, Sasía, Spencer e Joya.
Técnico: Bella Guttman

SANTOS
Gilmar; Lima, Mauro e Dalmo; Calvet e Zito; Dorval, Mengálvio, Pagão, Coutinho e Pepe (Oswaldo).
Técnico: Lula