Navegando Posts marcados como Itália

Internazionale Milano 4 x 1 Santos

Data: 26/06/1981
Competição: Supercopa Mundial de Clubes (Mundialito) – 3ª rodada (penúltima)
Local: Estádio Giuseppe Meazza, em Milão, Itália.
Árbitro: Gino Meneguti
Gols: Bini (24-1), Orialli (26-1), Toninho Vieira (32-1) e Autobelli (34-1); Muraro (32-2).

INTERNAZIONALE MILANO
Cipolini; Bergomi, Baresi, Pasinato e Bini; Canuti, Prohaska e Bacalosi (Muraro); Orialli, Autobelli e Marini (Caso).
Técnico:

SANTOS
Marolla; Suemar, Joãozinho, Amaral e Washington; Gilberto Costa (Roberto Biônico), Toninho Vieira e Pita; Gilson (Claudinho), Elói e João Paulo.
Técnico: Sérgio Clerici



Só um milagre pode dar título ao Santos

Com remotíssimas possibilidades de ser campeão o Santos enfrentará o Feyenoord (dia 28/06 as 14h de Brasília) em Milão, na última rodada da Supercopa Mundial de Clubes. É que para conquistá-la, precisará vencer o time holandês por cinco gols de diferença e contar ainda com uma derrota da líder e favorita Internazionale para o Milan.

Peñarol 1 x 1 Santos

Data: 19/06/1981, sexta-feira, 14h00 de Brasília.
Competição: Supercopa Mundial de Clubes (Mundialito) – 1ª rodada
Local: Estádio Giuseppe Meazza, em Milão, Itália.
Árbitro: Pietro Delli di Salerno
Gols: Pita (12-1) e Abaldi (33-2).

SANTOS
Marolla; Suemar, Joãozinho, Amaral e Washington; Gilberto Costa, Toninho Vieira (Mococa) e Pita; Claudinho (Roberto Biônico), Elói e João Paulo.
Técnico: Sérgio Clerici

PEÑAROL (URU)
Alvez; Mercenaro, Diogo, Clavijo e Plaza (Jownson); Fallero, Ortiz e Ruben Paz; Vargas, Morena e Saralegui (Abalde).
Técnico:



Em Milão, Santos estreia empatando com o Penãrol

Estreia do Santos na Supercopa Mundial de Clubes. Na outra partida a Internazionale venceu o Feyenoord por 2 a 1.

Reservas: Oca, Márcio Rossini, Paulinho, Mococa e Elói.

Quintas garante Clérice

Fonte: Jornal Folha de SP