Navegando Posts marcados como Santos

Santos 1 x 0 XV de Jaú

Data: 17/02/1979, 18h00.
Competição: Campeonato Paulista 1978 – 2º turno – 9ª rodada
Local: Estádio da Vila Belmiro, em Santos, SP.
Público: 19.200 pagantes e 1.280 menores
Renda: Cr$ 642.940,00
Árbitro: Joel Teixeira Caíres.
Gol: Pita (38-1).

SANTOS
Vitor; Nélson, Joãozinho, Neto e Gilberto; Clodoaldo, Nelson Borges (Toninho Vieira) e Pita; Nilton Batata, Juary e João Paulo.
Técnico: Formiga

XV DE JAÚ
Marola; Benazzi, Pedro Paulo, Nilson Andrade e Donizetti; Sabará, Roberval e Paulinho; Frazão, Marcão (Freitas) e Paulo Moisés.
Técnico: Candinho



Santos vence XV de Jaú por 1 a 0

Novamente o Santos foi atrapalhado pela Vila Belmiro. Depois de dominar quase os 90 minutos da partida de ontem à tarde, quase perdeu o jogo, quando aos 30 minutos Roberval chutou sozinho na área para fora.

Os esforços de Nilton Batata e João Paulo, os dois melhores jogadores em campo, não foram suficientes para garantir uma vitória tranquila para o Santos. Os dois criaram muitas situações, mas o goleiro Marola e a defesa do XV fizeram uma boa partida.

Aos 38 minutos, Pita se aproveitou de uma pressão de seu ataque e chutou forte de canhota, marcando o único gol da partida: 1 a 0.

No segundo tempo o técnico Candinho mexeu no XV: tirou Marcão, que jogava mal, colocou Freitas em seu lugar. A equipe subiu de produção mas era o Santos dominava e perdia oportunidades.

Aos 29 minutos Roberval chutou na trave e aos 30, sozinho, chutou para fora. Depois seu time não teve mais chances e o resultado foi justo pelo domínio santista.

No vestiário todos comentavam a proposta que o Fluminense fez pelo passe de Ailton Lira: 5 milhões de cruzeiros. Os dirigentes desmentiam qualquer interesse em negociar o meia.

Santos 1 x 0 XV de Piracicaba

Data: 14/02/1979
Competição: Campeonato Paulista 1978 – 2º turno – 8ª rodada
Local: Estádio da Vila Belmiro, em Santos, SP.
Público: 16.529
Renda: Cr$ 577.110,00
Árbitro: Silvio Acácio Silveira
Cartões vermelhos: Zé Roberto (S) e Vadinho (XV).
Gols: Célio (46-2)

SANTOS
Vitor; Nélson, Joãozinho, Neto e Valdemir; Toninho Vieira, Pita e Zé Roberto; Lino (Célio), Juary e João Paulo.
Técnico: Formiga

XV DE PIRACICABA
Getulio; Ivan, Fernando, Elói (China) e Almeida; Vadinho, Lima e Sergio Zaia; Perrela (Muri), Fio e Zé Luis.
Técnico: Nestor Alves



Santos joga mal mas vence XV no último minuto

Foi um jogo tumultuado. A diretoria do Santos inaugurava melhoramentos no estádio da Vila Belmiro e no campo o time jogava muito mal. Só conseguiu o gol redentor aos 46′ do segundo tempo quando Pita lançou Célio e fez 1 a 0 sobre o XV de Piracicaba. Ao final da partida todos tinham muitas queixas do campo, da sorte e do juiz, que anulou um gol e expulsou Zé Roberto.

“- Ele empurrou nosso goleiro e o juiz não deu!” – reclamava o técnico do XV, Nestor Alves, no vestiário.

Na verdade o Santos não mostrou competência suficiente para ultrapassar o rígido bloqueio defensivo armado pelo XV. O início do jogo deu uma falsa impressão de que tudo ia ser muito fácil, mas o Santos foi mostrando muitos erros e começou a se enervar, fincando ainda pior aos 16′ quando o juiz anulou um gol de Zé Roberto pois Juary fez falta no goleiro Getúlio.

No segundo tempo o jogo custou a recomeçar. Quando o XV entrava em campo o goleiro Getúlio foi atingido por uma garrafa e desmaiou. Foi socorrido e continuou em campo, para garantir um bom empate para seu time. Zé Roberto e Vandinho foram expulsos, enquanto o Santos andou perdendo muitos gols. Aos 46′, Célio aliviou a torcida.

Corinthians 2 x 1 Santos

Data: 11/02/1979
Competição: Campeonato Paulista 1978 – 2º turno – 7ª rodada
Local: Estádio do Morumbi, em São Paulo, SP.
Público: 114.483 pessoas, sendo 108.990 pagantes e 5.493 menores.
Renda: Cr$ 4.394.870,00
Árbitro: João Leopoldo Aieta.
Auxiliares: Edson Massa e Antônio Fonseca Ribeiro.
Cartão vermelho: Valdemir (S).
Gols: Sócrates (26-1), João Paulo (37-1) e Palhinha (36-2).

CORINTHIANS
Jairo; Zé Maria, Amaral, Djalma e Vladimir; Taborda (Claudio Mineiro), Biro-Biro e Palhinha; Vaguinho, Sócrates e Romeu.
Técnico:

SANTOS
Vitor; Nélson, Joãozinho, Neto e Valdemir; Clodoaldo, Ailton Lira e Pita; Zé Roberto (Gilberto), Juary e João Paulo.
Técnico: Formiga


Comercial RP 0 x 1 Santos

Data: 04/02/1979
Competição: Campeonato Paulista 1978 – 2º turno – 6ª rodada
Local: Dr. Francisco de Palma Travassos, em Ribeirão Preto, SP.
Público: 26.821 pagantes
Renda: Cr$ 787.580,00
Árbitro: Joel Teixeira Caires.
Gol: Juary (34-1).

COMERCIAL RP
Raul; Marco Antonio, Pim, Vagner e Fantick (Pedro Omar); Mauricio e Dau; Jader (Celso Orlandim), Carlos Hansen, Anselmo e Vander.
Técnico:

SANTOS
Vitor; Nelson, Joãozinho, Neto e Valdemir; Clodoaldo, Ailton Lira e Pita; Nilton Batata (Zé Roberto), Juary e João Paulo.
Técnico: Formiga


Santos 4 x 1 São Paulo

Data: 28/01/1979
Competição: Campeonato Paulista 1978 – 2º turno – 5ª rodada
Local: Estádio do Morumbi, em São Paulo, SP.
Público: N/D
Renda: Cr$ 2.971.680,00
Árbitro: Roberto Nunes Morgado.
Gols: Juary (12-1), Juary (28-1), Serginho Chulapa (02-2, de pênalti), Ailton Lira (16-2, de pênalti) e Ailton Lira (45-2, de pênalti).

SANTOS
Vitor; Nelson, Joãozinho, Fernando e Valdemir; Clodoaldo, Ailton Lira (Zé Roberto) e Pita; Nilton Batata, Juary (Célio) e João Paulo.
Técnico: Chico Formiga

SÃO PAULO
Valdir Peres; Antenor, Estevão, Marião (Getulio) e Bezerra; Teodoro e Peres (Dario Pereyra); Edu, Neca, Serginho e Zé Sergio.
Técnico: Rubens Minelli



Santos goleia bicharada na campanha do título paulista de 1978. Gol de penalti do São Paulo foi de lance irregular, a falta foi totalmente fora da área.