Navegando Posts marcados como Santos

Meninos da Vila conquistam Campeonato Paulista de 1978

Formação que jogou a final contra o São Paulo. Em pé: Gilberto Sorriso, Flávio, Antônio Carlos, Zé Carlos, Neto e Nelsinho. Agachados: Nílton Batata, Toninho Vieira, Juary, Pita e Claudinho.

























O título do Campeonato Paulista de 1978, definido apenas em junho do ano seguinte, entrou para a história do Santos Futebol Clube não apenas por ser o 14º da história da equipe da Vila Belmiro. Mais importante do que isso, aquela conquista foi a primeira após a “Era Pelé”, encerrada em 1974 e que rendeu ao Peixe mais de duas dezenas de títulos.

No Paulistão de 1978, o Santos atuou mais de 50 vezes e levou a taça em cima do São Paulo. O Tricolor era um timaço, comandado dentro de campo por nomes como Waldir Peres, Dario Pereyra, Serginho Chulapa e Zé Sérgio. Rubens Minelli era o técnico. Treinado por Formiga, o Peixe apostou em jovens promessas e criou craques como Pita, Toninho Vieira, Nilton Batata, Juary e João Paulo.

A grande decisão aconteceu no dia 28 de junho, quando a equipe santista jogava por um simples empate para ficar com a taça. Ao Tricolor, só a vitória interessava, tanto no tempo regulamentar quanto na prorrogação. Após 90 minutos de jogo, o São Paulo venceu por 2 a 0, gols de Zé Sérgio e Neca. Na prorrogação, um empate sofrido por 0 a 0 garantiu ao Peixe a conquista do título devido ao maior número de gols marcados no terceiro turno (18 contra 14).

“Já que não temos dinheiro para contratações, mande subir os garotos”. A frase dita por Chico Formiga ao presidente Vasco José Faé deu início a uma nova fase no Santos Futebol Clube. Nascia ali, em 1978, os Meninos da Vila. Qualquer outro técnico poderia se assustar com essa situação e não aceitar o desafio, mas não foi o caso de Formiga. O treinador foi determinante na conquista, seja ponderando o natural entusiasmo que ameaçava tomar conta dos mais jovens ou dando apoio nos momentos de irregularidade onde foram alvo de críticas. Mas o maior mérito do treinador foi implantar o sistema que priorizava o ataque, a vocação santista pela ofensividade, jogando com um volante, dois meias armadores e três atacantes, sendo dois pontas. O Santos ia para cima qualquer que fosse o adversário.

O Campeonato Paulista de 1978 foi disputado por 20 equipes e teve três turnos distintos antes da grande decisão. Para ficar com a taça, o Peixe disputou 55 jogos, venceu 25, empatou 16 e perdeu 14. No total, marcou 81 gols e sofreu 45.

A estréia do Santos na competição aconteceu no dia 20 de agosto, no Morumbi, contra o Corinthians em um jogo cheio de peculiaridades. Esta partida entrou para a história das duas equipes porque marcou a estréia do futuro “Doutor Sócrates”, então com 24 anos, na equipe do Parque São Jorge. Apesar de ser apenas o primeiro jogo de uma competição que teve mais de cinquenta, o público pagante foi de 111.103 pagantes. Era a primeira partida de defesa do título paulista do atual campeão, o Corinthians, que em 1977 saira de uma fila de 23 anos. Embora existissem todos esses atrativos para a maior presença dos corintianos no estádio, não foi o que se viu nas arquibancadas. Também neste jogo, saiu o primeiro gol do futuro campeão na competição, marcado por Pita aos 22 minutos do primeiro tempo. Rui Rei marcou no final e o clássico terminou empatado por 1 a 1. Neste dia o ônibus que trazia a delegação do Santos ao estádio foi apedrejado por corintianos. Clodoaldo, que estava no primeiro banco, sofreu cortes nos pés e teve seu olho atingido por estilhaços.

Neste primeiro turno do Paulistão, também chamado Taça Cidade de São Paulo, o Santos disputou 19 jogos, venceu sete, empatou nove e perdeu apenas três vezes. O ataque anotou 27 gols, enquanto a defesa sofreu 15. Classificado à fase final do 1º Turno, o Peixe venceu a Ponte Preta por 1 a 0 e eliminou a equipe de Campinas. Nas semifinais, o Santos passou pelo São Paulo, mas acabou perdendo o título para o Corinthians, que venceu por 1 a 0, gol marcado por Palhinha aos 35 minutos do segundo tempo.

No segundo turno, chamado Taça Governador do Estado de São Paulo, o Santos fez 19 jogos novamente, adquirindo desta vez dez vitórias, quatro empates e cinco derrotas. O Peixe ainda chegou à fase final, mas o título ficou com a Ponte Preta.

Apenas dez equipes participaram do terceiro Turno, o que realmente valia o título do campeonato. Em nove jogos, o Santos venceu cinco e perdeu quatro. Na fase final, eliminou o Guarani por 3 a 1 e se classificou para a decisão contra o São Paulo, que eliminou o Palmeiras na outra semi.

O primeiro jogo da decisão foi disputado numa quarta-feira, 20 de junho de 1979, no Morumbi com quase 90 mil pessoas. O Santos começou jogando no ataque, mas Serginho Chulapa, após cruzamento de Dario Pereyra aos 18 minutos de jogo, abriu o placar para o Tricolor. Aos 26, Zé Carlos deixou Juary na cara do gol e o atacante não desperdiçou a chance de empatar a partida. No segundo tempo, logo aos nove minutos, Pita fez incrível jogada individual, definiu a vitória de virada do Peixe e deixou a equipe da Vila Belmiro a uma vitória do título.

Título que poderia ter sido conquistado no dia 24, novamente no Morumbi, desta vez com 115 mil pessoas. O jogo foi emocionante do início ao fim. Logo aos 20 minutos, Pita foi derrubado por Tecão na área e o árbitro marcou pênalti. Antônio Carlos cobrou e Waldir Peres praticou a defesa. Aos 43 minutos, depois de dois gols de Serginho Chulapa anulados, o Peixe saiu na frente através de Célio. Já aos 23 minutos do segundo tempo, a polícia começou a fazer um cordão de isolamento para impedir a invasão da torcida santista, que estava a pouco mais de 20 minutos do grito de “campeão”. A torcida e os jogadores do Peixe já estavam sentindo o gosto do título quando Zé Sérgio, aos 43 minutos da etapa final, empatou o jogo e adiou a festa santista.

O terceiro e decisivo jogo foi disputado em 28 de junho, uma quinta-feira à noite. Para conquistar o título, o São Paulo precisava vencer tanto no tempo normal quanto na prorrogação. Mas a equipe de Rubens Minelli cumpriu apenas metade do objetivo.

Após pressionar a defesa santista, o Tricolor saiu na frente com o gol de Zé Sérgio aos 26 minutos do primeiro tempo. Na etapa complementar, logo aos cinco minutos, Getúlio cobrou falta na cabeça de Neca, que ampliou para 2 a 0. Após o segundo gol do São Paulo, as duas equipes visivelmente pararam de buscar a meta adversária para conservar energia para a prorrogação. E quando ela chegou, o Tricolor se mandou para o ataque, uma vez que só a vitória interessava. Mesmo sendo formado em sua maioria por atletas jovens, o Peixe foi forte, bravo e não tremeu. Após 120 minutos, o árbitro João Leopoldo Ayeta apitou o fim da partida e levou a torcida santista à loucura: era o primeiro título após a “Era Pelé”, e o 14º da história da equipe da Vila Belmiro.

Elenco:

Clique aqui e conheça o elenco que conquistou o Campeonato Paulista de 1978.

Artilharia:
29 gols – Juary (Santos)
25 gols – Ataliba (Juventus)
24 gols – Jorge Mendonça (Palmeiras)
20 gols – Sócrates (Corinthians)

Artilheiros do Santos FC:
29 gols – Juary
16 gols – João Paulo
07 gols – Aílton Lira
05 gols – Pita
04 gols – Nélson e Nílton Batata
03 gols – Célio e Claudinho
02 gols – Zé Roberto
01 gol – Joãozinho, Dé e Antônio Carlos
05 gols contra

Campanha:

1º Turno
#
Data
Ficha Técnica
Local
Vídeo
1 20/08/1978 Santos 1 x 1 Corinthians Morumbi
2 26/08/1978 Port. Santista 1 x 2 Santos Vila Belmiro
N/D
3 30/08/1978 Santos 5 x 0 Comercial RP Vila Belmiro
N/D
4 03/09/1978 Ponte Preta 2 x 2 Santos Moisés Lucarelli
5 07/09/1978 Santos 0 x 0 Paulista Vila Belmiro
N/D
6 10/09/1978 Marília 0 x 0 Santos Abreuzão
N/D
7 17/09/1978 Santos 4 x 0 Portuguesa Morumbi
8 20/09/1978 Santos 2 x 0 Noroeste Vila Belmiro
N/D
9 24/09/1978 Botafogo-SP 0 x 0 Santos Santa Cruz
N/D
10 28/09/1978 Santos 1 x 0 Francana Vila Belmiro
N/D
11 01/10/1978 São Paulo 1 x 3 Santos Morumbi
12 04/10/1978 Santos 3 x 1 Ferroviária Vila Belmiro
N/D
13 08/10/1978 Santos 0 x 0 São Bento Vila Belmiro
N/D
14 15/10/1978 Palmeiras 2 x 0 Santos Morumbi
15 18/10/1978 Santos 0 x 2 Guarani Vila Belmiro
N/D
16 22/10/1978 XV de Piracicaba 2 x 2 Santos Barão
N/D
17 25/10/1978 Santos 1 x 1 Juventus Vila Belmiro
N/D
18 29/10/1978 XV de Jaú 1 x 1 Santos Jauzão
N/D
19 05/11/1978 América 1 x 0 Santos Caldeirão
N/D

Após o 1º turno os dois primeiros de cada grupo classificavam-se para as Quartas de Finais.



Grupo A1º Turno
 
PG
J
V
E
D
GP
GC
SG
%
1 Ponte Preta
24
19
8
8
3
17
10
7
2 Santos
23
19
7
9
3
27
15
12
3 Paulista
17
19
4
9
6
12
15
-3
4 Noroeste
16
19
6
4
9
12
22
-10
5 Portuguesa Santista
7
19
2
3
14
11
34
-23


Grupo B1º Turno
 
PG
J
V
E
D
GP
GC
SG
%
1 São Paulo
28
19
12
4
3
18
12
6
2 Portuguesa
19
19
6
7
6
27
28
-1
3 Juventus
17
19
7
3
9
32
33
-1
4 Francana
17
19
5
7
7
19
17
2
5 XV de Piracicaba
16
19
4
8
7
15
19
-4


Grupo C1º Turno
 
PG
J
V
E
D
GP
GC
SG
%
1 Guarani
28
19
11
6
2
33
14
19
2 Corinthians
26
19
9
8
2
24
17
7
3 Comercial
21
19
8
5
6
23
22
1
4 São Bento
17
19
6
5
8
14
23
-9
5 Marília
15
19
5
5
9
23
27
-4


Grupo D1º Turno
 
PG
J
V
E
D
GP
GC
SG
%
1 Palmeiras
24
19
9
6
4
26
15
11
2 XV de Jaú
20
19
7
6
6
22
21
1
3 Botafogo-SP
19
19
5
9
5
16
13
3
4 América
16
19
6
4
9
18
20
-2
5 Ferroviária
10
19
1
8
10
12
24
-12


Quartas de Finais1º Turno
#
Data
Ficha Técnica
Local
Vídeo
20 11/11/1978 São Paulo 0×0 Santos (0×0) Morumbi
N/D
  11/11/1978 Guarani 1×1 XV de Jaú (0×0)  
N/D
  12/11/1978 Palmeiras 0 x 3 Corinthians  
N/D
  19/11/1978 Ponte Preta 1 x 0 Portuguesa  
N/D

Santos e Guarani se classificaram por terem feito mais gols na 1º Turno.

Semifinais1º Turno
#
Data
Ficha Técnica
Local
Vídeo
  19/11/1978 Corinthians 2×2 Guarani (1×0)  
N/D
21 22/11/1978 Santos 1 x 0 Ponte Preta Morumbi

Corinthians e Santos se classificaram para o 3º Turno.

Final1º Turno
#
Data
Ficha Técnica
Local
Vídeo
22 26/11/1978 Corinthians 1 x 0 Santos Morumbi

Corinthians é campeão do 1º turno conquistando a Taça Cidade de São Paulo.

Campanha:

2º Turno
#
Data
Ficha Técnica
Local
Vídeo
23 29/11/1978 Francana 2 x 0 Santos Lanchão
N/D
24 03/12/1978 Santos 2 x 1 Port. Santista Vila Belmiro
N/D
25 09/12/1978 Juventus 2 x 3 Santos Pacaembu
26 16/12/1978 Santos 0 x 0 Marília Vila Belmiro
N/D
27 28/01/1979 Santos 4 x 1 São Paulo Morumbi
28 04/02/1979 Comercial RP 0 x 1 Santos P. Travassos
N/D
29 11/02/1979 Corinthians 2 x 1 Santos Morumbi
N/D
30 14/02/1979 Santos 1 x 0 XV de Piracicaba Vila Belmiro
N/D
31 17/02/1979 Santos 1 x 0 XV de Jaú Vila Belmiro
32 21/02/1979 Noroeste 0 x 0 Santos Alfredão
N/D
33 24/02/1979 Paulista 0 x 0 Santos Jaime Cintra
N/D
34 04/03/1979 Santos 1 x 2 Palmeiras Morumbi
N/D
35 07/03/1979 São Bento 2 x 0 Santos W. Ribeiro
N/D
36 11/03/1979 Portuguesa 2 x 3 Santos Pacaembu
N/D
37 14/03/1979 Santos 4 x 0 América Vila Belmiro
N/D
38 18/03/1979 Guarani 0 x 1 Santos Brinco de Ouro
N/D
39 25/03/1979 Santos 3 x 0 Botafogo-SP Vila Belmiro
40 28/03/1979 Ferroviária 0 x 0 Santos Fonte Luminosa
N/D
41 01/04/1979 Santos 0 x 1 Ponte Preta Vila Belmiro
N/D

Após o 2º turno os dois primeiros de cada grupo classificavam-se para as Quartas de Finais.



Classificação após o 2º turno:

Grupo A2º Turno
 
PG
J
V
E
D
GP
GC
SG
%
1 Guarani
22
19
7
8
4
24
16
8
2 Juventus
21
19
8
5
6
33
27
6
3 Port. Santista
21
19
8
5
6
13
14
-1
4 Palmeiras
20
19
8
4
7
23
18
5
5 Paulista
14
19
3
8
8
10
20
-10


Grupo B2º Turno
 
PG
J
V
E
D
GP
GC
SG
%
1 Corinthians
22
19
7
8
4
25
20
5
2 Botafogo-SP
22
19
7
8
4
23
19
4
3 Comercial
17
19
5
7
7
10
19
-9
4 Noroeste
15
19
4
7
8
13
22
-9
5 América
15
19
3
9
7
19
29
-10


Grupo C2º Turno
 
PG
J
V
E
D
GP
GC
SG
%
1 Ponte Preta
29
19
12
5
2
39
16
23
2 Francana
19
19
5
9
5
22
27
-5
3 São Paulo
16
19
6
4
9
24
27
-3
4 Marília
16
19
4
8
7
22
27
-5
5 São Bento
14
19
5
4
10
23
30
-7


Grupo D2º Turno
 
PG
J
V
E
D
GP
GC
SG
%
1 Santos
24
19
10
4
5
25
15
10
2 Ferroviária
22
19
7
8
4
18
14
4
3 XV de Piracicaba
20
19
6
8
5
16
16
0
4 XV de Jaú
16
19
6
4
9
18
19
-1
5 Portuguesa
15
19
5
5
9
19
24
-5


Quartas de Finais2º Turno
#
Data
Ficha Técnica
Local
Vídeo
  08/04/1979 Ponte Preta 3 x 0 Ferroviária  
N/D
42 14/04/1979 Santos 2 x 1 Francana Vila Belmiro
  19/04/1979 Guarani 2 x 1 Botafogo-SP  
N/D
  19/04/1979 Corinthians 0×0 Juventus (0×1)  
N/D


Semifinais2º Turno
#
Data
Ficha Técnica
Local
Vídeo
43 19/04/1979 Santos 1×1 Ponte Preta (0×1) Morumbi
  25/04/1979 Juventus 0 x 2 Guarani  
N/D

Ponte Preta e Guarani classificaram-se para o 3º turno.


Final2º Turno
#
Data
Ficha Técnica
Local
Vídeo
  27/06/1979 Ponte Preta 1×1 Guarani (0×0)  
N/D

O empate persistiu na prorrogação e a Ponte Preta foi campeã do 2º turno por ter melhor campanha.


Campanha:

3º Turno
#
Data
Ficha Técnica
Local
Vídeo
44 02/05/1979 Santos 5 x 1 Botafogo-SP Vila Belmiro
45 06/05/1979 Santos 1 x 0 Francana Vila Belmiro
46 09/05/1979 Santos 5 x 1 Portuguesa Vila Belmiro
47 12/05/1979 São Paulo 2 x 1 Santos Morumbi
48 20/05/1979 Santos 0 x 1 Juventus Vila Belmiro
N/D
49 27/05/1979 Palmeiras 2 x 1 Santos Morumbi
50 30/05/1979 Santos 3 x 1 Guarani Pacaembu
N/D
51 07/06/1979 Santos 2 x 0 Ponte Preta Pacaembu
52 10/06/1979 Santos 0 x 1 Corinthians Morumbi


Grupo A3º Turno
 
PG
J
V
E
D
GP
GC
SG
%
1 Guarani
13
9
5
3
1
19
7
12
2 Sao Paulo
13
9
4
5
0
14
6
8
3 Corinthians
12
9
5
2
2
16
11
5
4 Francana
5
9
1
3
5
9
14
-5
5 Botafogo-SP
2
9
1
0
8
7
24
-17


Grupo B3º Turno
 
PG
J
V
E
D
GP
GC
SG
%
1 Palmeiras
14
9
6
2
1
17
6
11
2 Santos
10
9
5
0
4
18
9
9
3 Ponte Preta
10
9
4
2
3
11
10
1
4 Juventus
9
9
3
3
3
11
16
-5
5 Portuguesa
2
9
0
2
7
3
22
-19


Semifinais3º Turno
#
Data
Ficha Técnica
Local
Vídeo
53 16/06/1979 Santos 3 x 1 Guarani Morumbi
  17/06/1979 Palmeiras 0 x 0 São Paulo (0×1) Morumbi
N/D

Santos e São Paulo classificaram-se para a grande final.

A decisão seria em melhor de 4 pontos, como o São Paulo empatou o segundo jogo forçou a terceira partida. Em caso de empate em 3 pontos seria disputada a prorrogação onde a melhor campanha jogaria pelo empate.

Finais3º Turno
#
Data
Ficha Técnica
Local
Vídeo
54 20/06/1979 São Paulo 1 x 2 Santos Morumbi
55 24/06/1979 Santos 1 x 1 São Paulo Morumbi
56 28/06/1979 Santos 0 x 2 São Paulo (0×0) Morumbi

Santos FC conquista o Campeonato Paulista de 1978, seu 14° título estadual.



Galeria de fotos:
[nggallery id=13]



Créditos:
Imagens: TV Cultura
Fotos: Revista Placar (diversas), Que Fim Levou? (Site do Milton Neves), Álbum de Figurinhas do Campeonato Paulista 1978 – Placar/Editora Abril.
Fontes: Memória, Federação Paulista de Futebol, jornal Folha de São Paulo, jornal A Tribuna, jornal Cidade de Santos.

IV Copa Brasil – (Campeonato Brasileiro 1978)

Grupo C

25/03/1978 – Santos 3 x 0 Goiás
29/03/1978 – Santos 1 x 1 Mixto
02/04/1978 – Dom Bosco 0 x 3 Santos
05/04/1978 – Comercial-MT 1 x 0 Santos
08/04/1978 – Corinthians 0 x 0 Santos
20/04/1978 – Santos 1 x 2 Operário-MT
23/04/1978 – Rio Branco 2 x 2 Santos
26/04/1978 – Santos 1 x 1 Desportiva
07/05/1978 – Vila Nova-GO 1 x 3 Santos
10/05/1978 – Brasília 2 x 1 Santos
14/05/1978 – Anapolina 1 x 1 Santos

Classificado em 5º lugar.

- – -

Grupo H

21/05/1978 – Fluminense 1 x 0 Santos
24/05/1978 – Goiás 0 x 0 Santos
28/05/1978 – Náutico 2 x 0 Santos
31/05/1978 – Santos 1 x 1 Santa Cruz
04/06/1978 – Bahia 3 x 0 Santos
07/06/1978 – Santos 2 x 1 Ceará
10/06/1978 – Santos 3 x 0 Joinville
17/06/1978 – Santos 0 x 0 Grêmio

Classificado em 6º lugar

- – -

Grupo Q

03/07/1978 – Santos 4 x 0 Goytacaz
05/07/1978 – Botafogo-SP 2 x 1 Santos
08/07/1978 – Guarani 2 x 1 Santos
13/07/1978 – Santos 0 x 0 Londrina
16/07/1978 – Internacional-RS 1 x 0 Santos
19/07/1978 – Santos 3 x 0 Goiás
23/07/1978 – Botafogo-PB 1 x 1 Santos

Santos ficou em 5º e foi eliminado, apenas os dois primeiros classificavam-se.

Classificação final: 23º

Todos os jogos do Santos FC na temporada 1978. Clique no jogo para acessar a ficha técnica.



29/01/1978 – Santos 1 x 1 Corinthians – Brasileiro – Morumbi
03/02/1978 – Santos 0 x 1 Vasco – Brasileiro – Maracanã
11/02/1978 – Santos 1 x 2 Londrina – Brasileiro -
16/02/1978 – Santos 0 x 0 Flamengo – Brasileiro – Pacaembu
18/02/1978 – Santos 3 x 3 Caxias – Brasileiro -
21/02/1978 – Santos 3 x 0 Internacional-SC – Amistoso -
23/02/1978 – Santos 1 x 1 Caçadorense - Amistoso -
25/02/1978 – Santos 0 x 2 Grêmio Maringá – Amistoso -
28/02/1978 – Santos 2 x 0 Corinthians PP – Amistoso – Presidente Prudente
08/03/1978 – Santos 2 x 3 Guarani – Amistoso – Brinco de Ouro
25/03/1978 – Santos 3 x 0 Goiás – Brasileiro – Pacaembu
29/03/1978 – Santos 1 x 1 Mixto-MT – Brasileiro – Pacaembu
02/04/1978 – Santos 3 x 0 Dom Bosco – Brasileiro – Gov. José Fragelli
05/04/1978 – Santos 0 x 1 Comercial-MT – Brasileiro – Pedro Pedrossian
08/04/1978 – Santos 0 x 0 Corinthians – Brasileiro – Morumbi
20/04/1978 – Santos 1 x 2 Operário-MS – Brasileiro – Pacaembu
23/04/1978 – Santos 2 x 2 Rio Branco-ES – Brasileiro – Engenheiro Araripe
26/04/1978 – Santos 1 x 1 Desportiva – Brasileiro – Pacaembu
07/05/1978 – Santos 3 x 1 Vila Nova-GO – Brasileiro – Serra Dourada
10/05/1978 – Santos 1 x 2 Brasília – Brasileiro – Serejão
14/05/1978 – Santos 1 x 1 Anapolina-GO – Brasileiro – Jonas Duarte
21/05/1978 – Santos 0 x 1 Fluminense – Brasileiro – Maracanã
24/05/1978 – Santos 0 x 0 Goiás – Brasileiro – Serra Dourada
28/05/1978 – Santos 0 x 2 Náutico – Brasileiro – Arruda
31/05/1978 – Santos 1 x 1 Santa Cruz – Brasileiro – Pacaembu
04/06/1978 – Santos 0 x 3 Bahia – Brasileiro – Fonte Nova
07/06/1978 – Santos 2 x 1 Ceará – Brasileiro – Vila Belmiro
10/06/1978 – Santos 3 x 0 Joinville – Brasileiro – Vila Belmiro
17/06/1978 – Santos 0 x 0 Grêmio – Brasileiro – Morumbi
02/07/1978 – Santos 4 x 0 Goytacaz – Brasileiro – Vila Belmiro
05/07/1978 – Santos 1 x 2 Botafogo-SP – Brasileiro – Santa Cruz
08/07/1978 – Santos 1 x 2 Guarani – Brasileiro – Brinco de Ouro
13/07/1978 – Santos 0 x 0 Londrina – Brasileiro – Vila Belmiro
16/07/1978 – Santos 0 x 1 Internacional-RS – Brasileiro – Beira Rio
19/07/1978 – Santos 3 x 0 Goiás – Brasileiro – Vila Belmiro
23/07/1978 – Santos 1 x 1 Botafogo-PB – Brasileiro – José Américo de Almeida
29/07/1978 – Santos 2 x 0 Fluminense – Amistoso – Vila Belmiro
02/08/1978 – Santos 4 x 0 Noroeste – Amistoso – Vila Belmiro
05/08/1978 – Santos 1 x 1 Villa Nova-MG – Amistoso – Vila Belmiro
09/08/1978 – Santos 1 x 2 América-RJ – Amistoso -
12/08/1978 – Santos 2 x 0 América-RJ – Amistoso -
20/08/1978 – Santos 1 x 1 Corinthians – Paulista – Morumbi
26/08/1978 – Santos 2 x 1 Portuguesa Santista – Paulista – Vila Belmiro
30/08/1978 – Santos 5 x 0 Comercial – Paulista – Vila Belmiro
03/09/1978 – Santos 2 x 2 Ponte Preta – Paulista – Moisés Lucarelli
07/09/1978 – Santos 0 x 0 Paulista de Jundiaí – Paulista – Vila Belmiro
10/09/1978 – Santos 0 x 0 Marília – Paulista – Abreuzão
17/09/1978 – Santos 4 x 0 Portuguesa – Paulista – Morumbi
20/09/1978 – Santos 2 x 0 Noroeste – Paulista – Vila Belmiro
24/09/1978 – Santos 0 x 0 Botafogo-SP – Paulista – Santa Cruz
28/09/1978 – Santos 1 x 0 Francana – Paulista – Vila Belmiro
01/10/1978 – Santos 3 x 1 São Paulo – Paulista – Morumbi
04/10/1978 – Santos 3 x 1 Ferroviária – Paulista – Vila Belmiro
08/10/1978 – Santos 0 x 0 São Bento – Paulista – Vila Belmiro
15/10/1978 – Santos 0 x 2 Palmeiras – Paulista – Morumbi
18/10/1978 – Santos 0 x 2 Guarani – Paulista – Vila Belmiro
22/10/1978 – Santos 2 x 2 XV de Piracicaba – Paulista – Barão
25/10/1978 – Santos 1 x 1 Juventus – Paulista – Vila Belmiro
29/10/1978 – Santos 1 x 1 XV de Jaú – Paulista – Jauzão
05/11/1978 – Santos 0 x 1 América-SP – Paulista – Caldeirão
11/11/1978 – Santos 0 x 0 São Paulo – Paulista – Morumbi
19/11/1978 – Santos 3 x 1 Palmeiras – Amistoso – Vila Belmiro
22/11/1978 – Santos 1 x 0 Ponte Preta – Paulista – Morumbi
26/11/1978 – Santos 0 x 1 Corinthians – Paulista – Morumbi
29/11/1978 – Santos 0 x 2 Francana – Paulista – Lanchão
03/12/1978 – Santos 2 x 1 Portuguesa Santista – Paulista – Vila Belmiro
09/12/1978 – Santos 3 x 2 Juventus – Paulista – Pacaembu
16/12/1978 – Santos 0 x 0 Marília – Paulista – Vila Belmiro



Resumo da Temporada 1978:

- Campeonato Paulista: campeão (Obs: Campeonato de 1978 terminou somente em junho/1979).
- Campeonato Brasileiro: 23º colocado

Dados de jogos do Santos FC na temporada 1978

071 jogos
026 vitórias
026 empates
019 derrotas
213 pontos disputados
104 pontos ganhos (48,8% aproveitamento)
098 gols pró (2,31 /jogo)
064 gols contra (0,90 /jogo)
034 saldo

Tabus:

XX jogos – Maior série invicto ( XV e XE, entre XX/XX/XXXX e XX/XX/XXXX )
XX jogos – Maior série sem vencer ( XD e XE, entre XX/XX/XXXX e XX/XX/XXXX )
XX jogos – Maior sequência de vitórias seguidas
XX jogos – Maior sequência de derrotas seguidas

Artilharia:

xxxxxxxxx

[nggallery id=13]

Goleiros:


Laterais:

 

Zagueiros:
sdb
fsfb
sdbv
bsdgb
bsdgb


Volantes:
sdb
fsfb


Meias:
   



Atacantes:



Técnico:
1

Elenco:

G – Vitor de Paula Oliveira Braga
G – Paulo Sérgio Kuslevicius (Paulinho)
G – Flávio Edmundo Martins Lima
G – William

LD – Nélson Baptista Junior
LE – Gilberto Ferreira da Silva (Gilberto Sorriso)
LE – Valdemir do Carmo Porfírio

QZ – Antônio Carlos Marques
ZC – João Rosa de Souza Filho (Joãozinho)
Z – Fernando Guisini Neto
Z – Luiz Antonio Neto
Z – Carlos Bianque da Silva

MV – Clodoaldo Tavares Santana
ME – Ailton Lira Silva
MD – Edivaldo Oliveira Chaves (Pita)
M – Antonio Carlos Pires Vieira (Toninho Vieira)
MV – José Carlos do Nascimento (Zé Carlos)
MV – Gilberto da Costa (Gilberto Costa)
MA – Nélson Borges de Freitas
M – Luiz Carlos de Mello (Cardim)

PD – Nilton Pinheiro da Silva (Nilton Batata)
PE – João Paulo de Lima Filho
CA – Juary Jorge dos Santos Filho
PD – Marcelo Carlos Monteiro da Silva (Célio)
A – Cláudio José Agnello (Claudinho)
A – Rubens de Jesus (Rubens Feijão)

- Fausto Luiz Pereira Filho
- José Roberto Januário (Zé Roberto)
- Luciomar Campos Ferreira (Dé)
- Francisco de Oliveira (Reinaldo)
- Giba
- Lino
- Márcio Fernandes

T – Francisco Ferreira Aguiar (Chico Formiga)